Início > Sem categorias > Denying AIDS – Conspiracy Theories, Pseudoscience, and Human Tragedy

Denying AIDS – Conspiracy Theories, Pseudoscience, and Human Tragedy


Sempre nos questionamos sobre as coisas à nossa volta. Uma e outras vezes deixamo-nos levar pela crença cega, pela fé e por dogmas tornados inquestionáveis. Na verdade, questionar é uma faculdade essencial a nós seres humanos. Os grandes feitos da humanidade, todo o conhecimento produzido, as invenções, partem de questionamentos.

Questionai! Questionai sempre! mesmo que não encontreis respostas acabadas para os vossos questionamentos. Pois mil perguntas, meus caros, valem mais que um punhado de respostas pretensamente certas. De apenas uma coisa temos certeza, da incerteza que caracteriza este mundo.

Questões intrigantes: O SIDA existe realmente ou é uma invenção destinada a inconfessáveis objectivos? Será que o HIV é realmente o causador do SIDA? Estas questões têm sido colocadas por muitos de nós, e têm sido respondidas de forma negativa por um grupo de activistas e cientistas em todo o mundo, os chamados “denialists”. Na vizinha África do Sul, este grupo ficou bastante conhecido em 2000, na Conferência Internacional do SIDA realizada em Durban, altura em que o ex Presidente Thabo Mbeki apoiou publicamente as teorias dos “denialists”, afirmando que o HIV não era a causa do SIDA. O impacto das declarações de Mbeki foram catastróficas, e o povo sul africano pagou uma factura caríssima pela tomada de posição não só de Mbeki, mas também da ministra da saúde, Manto Tshabalala-Msimang, que chegou a dizer que os ARV’s eram “venenos” e era o que realmente estava a matar as pessoas.

Denying AIDS – Conspiracy Theories, Pseudoscience, and Human Tragedy é mais um livro bom pra digerir. Quem são os chamados “denialists”? O que os motiva? Quais são os seus argumentos? Seth Kalichman, autor deste livro, tenta responder a estas questões e ajuda-nos a posicionarmo-nos mais informados neste debate prenhe de conspirações. Vale a pena ler.

Categorias:Sem categorias
  1. Ainda sem comentários.
  1. No trackbacks yet.

Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: